frente.s.png
PBSUS.JPG
Instagram_icon.png

Lista dos trabalhos aprovados no IX Seminário Nacional da Frente Nacional Contra a Privatização da Saúde.

Qualquer observação ou dúvida sobre os trabalhos, pedimos que entrem em contato

conosco pelo seguinte e-mail: trabalhosfncps2019@gmail.com

1. Saúde, trabalho e movimento sindical

O TRABALHO INTERDISCIPLINAR EM SAÚDE DO TRABALHADOR COMO INSTRUMENTO DE RESISTÊNCIA SINDICAL: as estratégias de enfrentamento do SINDISPREVRS. - Fabiane Konowaluk Santos Machado; Maria Dulcinéia Martins Batist; Carmen Beatriz Fosch ; Elisiane Wolf de Fraga ;  Liliana Dantas da Silva. 

 

Trabalhadores do SUS 30 anos depois: o impacto desde a organização e dos desmontes na saúde dos trabalhadores federais da saúde - Fabiane Konowaluk Santos Machado; Maria Dulcinéia Martins Batista ; Carmen Fosch; Liliana Dantas da Silva; Elisiane Wolf de Fraga


2. Movimentos sociais, participação popular e controle social

NENHUM SERVIÇO DE SAÚDE À MENOS: NARRATIVAS A CONTRAPELO - Lívia Esteves Reis; Cristal Oliveira Moniz de Aragão; Cristal Oliveira Moniz de Aragão

 

INTELECTUAIS ORGÂNICOS FRENTE ÀS INFLEXÕES DA CONTRARREFORMA NA POLÍTICA DE SAÚDE BRASILEIRA - Samuel Lopes dos Santos; Jaciara dos Santos Silva.

 

EIXO 3. Saúde mental e política de drogas

COMUNIDADES TERAPÊUTICAS OU COMUNIDADES DE TRABALHO: O papel das Comunidades Terapêuticas na violação dos direitos - Aline Cristina da Paixão Costa

 

PROIBICIONISMO E A SUA RELAÇÃO COM A CRIMINALIZAÇÃO DA POBREZA:a Redução de Danos no Brasil. - Ana Beatriz da Silva Pugas

 

POLÍTICA DE SAÚDE MENTAL: A LUTA POR UMA SOCIEDADE SEM MANICÔMIOS - Crysllaine Pinheiro da Silva; Fanny Lenine de Souza Mota; Ana Luiza Nascimento dos Anjos; Geovana de França Santos; Débora Ewelyn Barbosa da Silva e Rayanne de Oliveira Santos

 

ENTRE A REFORMA PSIQUIÁTRICA E A MERCANTILIZAÇÃO DA LOUCURA: UM DIÁLOGO ENTRE PSICANÁLISE E SERVIÇO SOCIAL - André Elias Cruz Antunes; Viviani Sousa Barros

 

SAÚDE MENTAL E VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES: capacitação das/ dos profissionais da rede de atendimento às mulheres em situação de violência - ELISANGELA DE OLIVEIRA INACIO; Maysa Cristina Lima Félix; Najara Sousa Medeiros; Paloma Lima dos Santos; GRAZIELA MÔNICA PEREIRA TOLENTINO.

 

DESAFIOS E POSSIBILIDADES DA REDE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO MUNICÍPIO DE JOÃO PESSOA/PB: um relato de experiência - NAJARA SOUSA MEDEIROS; Julia Ramos Vieira; Francilea de Oliveira Santos; Márcia de Medeiros França; Renata Oliveira Nóbrega da Silva

 

ENTRE A REFORMA PSIQUIÁTRICA E A MERCANTILIZAÇÃO DA LOUCURA: UM DIÁLOGO ENTRE PSICANÁLISE E SERVIÇO SOCIAL - André Elias Cruz Antunes; Viviani Sousa Barros

 


4. Contrarreformas neoliberais e privatização da saúde

RACIONALIDADE NEOLIBERAL: ELEMENTOS INTRODUTÓRIOS PARA UMA APREENSÃO CRÍTICA – Kleiton Wagner Alves da Silva Nogueira

 

AS INFLEXÕES DA CONTRARREFORMA DO ESTADO NA POLÍTICA DE SAÚDE BRASILEIRA - Samuel Lopes dos Santos; Jaciara dos Santos Silva

 

POLÍTICA DE SAÚDE NO BRASIL: construção, contrarreforma e desafios - ANTÔNIO DE ALBUQUERQUE GONÇALVES JÚNIOR

 

A POLÍTICA DE SEGURIDADE SOCIAL E O OSTENSIVO DESMONTE NEOLIBERAL - Geovana de França Santos; Crysllaine Pinheio da Silva, Débora Ewelyn Barbosa da Silva, Ana luiza Nascimento dos Anjos, Rayanne de Oliveira Santos

 

EFEITOS DO DESMONTE NO ÂMBITO DAS POLÍTICAS DA SAÚDE, NO CONTEXTO BRASILEIRO, E SUA RELAÇÃO COM A MUDANÇA DO DEPARTAMENTO DE HIV/AIDS. - Vitória Gabriele Moises da Silva; Thalyta Kelle de Souza e Vitória Antônia dos Santos

 

EBSERH: A POLÍTICA DE SAÚDE NO BRASIL SOB A DIALÉTICA DA PRIVATIZAÇÃO - VITÓRIA DE ARAÚJO SANTOS

 

A INFLUÊNCIA DO BANCO MUNDIAL NO CONTEXTO DA OFENSIVA ULTRANEOLIBERAL: Aparelhos contra-hegemônicos na saúde frente aos intelectuais coletivos do capital imperialista - GIRLAN GUEDES DOS SANTOS; ALESSANDRA XIMENES DA SILVA.

 

A POLÍTICA SOCIAL DE SAÚDE EM TEMPOS DE CONTRARREFORMA: uma visão a partir do materialismo histórico-dialético - Tatiany Fernandes Oliveira; Irisneide Antonino de Lacerda

 

A CONTRARREFORMA NA POLÍTICA DE SAÚDE BRASILEIRA E A CONSEQUENTE EXPROPRIAÇÃO DE DIREITOS - JAIDETE DE OLIVEIRA CORREIA; ALESSANDRA XIMENES DA SILVA

 

“SAÚDE NÃO É MERCADORIA”: Participação do Movimento Estudantil de Serviço Social na Frente Nacional Contra a Privatização da Saúde - Mariele Cavalcante da Cunha

 

CONTRARREFORMA E APARELHOS PRIVADOS DE HEGEMONIA: e os rebatimentos na política nacional de saúde - Alessandra Ximenes da Silva; Bruna Valeska Barros Silva; Cleomar Jamyson.

 

EFEITOS DO DESMONTE NO ÂMBITO DAS POLÍTICAS DA SAÚDE DO SUS, NO CONTEXTO BRASILEIRO, E SUA RELAÇÃO COM A MUDANÇA DO DEPARTAMENTO DE HIV/AIDS. - Vitória Gabriele Moisés da Silva; Thalyta Kelle de Souza, Vitoria Antônia Ribeiro dos Santos

 

Contrarreforma na política de saúde nos governos do Partido dos Trabalhadores e no governo Temer - Tamires Andreia de Carvalho Marques; Ana Cristina de Souza Vieira.

 

ESTADO NEOLIBERAL E SAÚDE: Ensaio teórico sobre as contrarreformas e precarização da política de saúde do Rio Grande do Norte - Mirley Jordana Fernandes Da Silva; Mariana Dantas Soares


5. Formação em Saúde

PROJETO DE EXTENSÃO “AÇÕES DE APOIO AO FÓRUM PARAIBANO EM DEFESA DO SUS” - Wladimir Nunes Pinheiro; Janaína Cristine Pereira Nunes

 

PENSAMENTO FREIREANO, LUTA SOCIAL E SAÚDE - A FORMAÇÃO E A DISCUSSÃO PEDAGÓGICA COMO MÉTODO PARA ELABORAR A CRÍTICA - Samara Jamile Mendes; Lúcia Dias da Silva Guerra, Thais Teodoro Goraib, Juliana Giaj Levra de Jesus, Leonardo Carnut.

 

ESCUTA QUALIFICADA: fortalecendo a vinculação entre acompanhantes, instituição e a parturiente/puérpera na clínica obstetríca – relato de experiência.  - Jane Kátia Custódio Sousa; Andrezza Soraya Moura Fonseca. Joane Silva Queiroga. Roberttha Figueiredo de Araújo

 

A IMPORTÂNCIA DO CONTEÚDO DO CURSO DE FORMAÇÃO POLÍTICA PARA OS TRABALHADORES DO SUS: UMA PERSPECTIVA DOS DISCENTES - Dalila Viana de Freitas; Tarsila Teixeira Vilhena Lopes, Leonardo Carnut, Áquilas Mendes, Lúcia Dias da Silva Guerra

 

RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE MATERNO INFANTIL: possibilidades no processo de efetivação de direitos das mulheres no parto - Jailma da Costa Batista; Andressa Cassiano de Araújo; Francyely dos Santos Moura; Kelly Bezerra de Oliveira; Vera Lúcia Maia Freire


6. Financiamento em Saúde

 

FUNDO PÚBLICO E POLÍTICA DE SAÚDE: desmonte do Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil frente à ofensiva neoliberal - Jaidete De Oliveira Correia; Alessandra Ximenes Da Silva.

 

7. Atenção básica e atenção primária em saúde

NASF em tempos de cortes: discussões sobre o trabalho numa Clínica da Família no Rio de Janeiro. - PACHECO, Amanda Pasti; ARAGÃO, Cristal M.; CAVAGNOLI, Karen Cris tina; GUEDES, Anderson; MORAIS, Patrícia.

 

GRUPO DE MULHERES SAÚDE EM FOCO: EMPODERAMENTO E EDUCAÇÃO POPULAR EM SAÚDE - Thaisa do Nascimento Rodrigues Lima; Vladimir Pessoa Chaves, Josicleide Pereira do Nascimento Silva


8. Saúde e seguridade social

O SERVIÇO SOCIAL E O COMPROMISSO COM A CLASSE TRABALHADORA A Luta Cotidiana por uma Saúde Estatal, Gratuita e com Qualidade! - Erimar Amara de Carvalho Pereira

 

A REESTRUTURAÇÃO PRODUTIVA NA SEGURIDADE SOCIAL BRASILEIRA E SEUS IMPACTOS NA SAÚDE DOS TRABALHADORES FEDERAIS DO SUS - Elisiane Wolf de Fraga; Maria Dulcineia Martins Batista; Fabiane Konowaluk Santos Machado; Liliana Dantas da Silva; Carmen Fosch.


9. Gênero, etnia, raça e classes

OS OBSTÁCULOS PRESENTES NO CAMINHO À MATERIALIZAÇÃO DO ABORTO LEGAL - Julianna Oliveira Marinho de Araújo; Juliane Emily Santos Ferreira

 

RELAÇÕES DE GÊNERO, VIOLÊNCIA OBSTÉTRICA: um olhar do movimento de contracultura expresso no parto humanizado - Jane Kátia Custodio Sousa; Priscilla Brandão de Medeiros

 

O veto que vulnerabiliza: A notificação da violência contra mulher no sistema de saúde como enfrentamento ao fenômeno - Jennyfer Mayara Silva da Paz; Allannys Alexia dos Santos

 

ATENÇÃO À SAÚDE DA CRIANÇA COM CÂNCER E A CENTRALIDADE DA RESPONSABILIDADE DO CUIDADO NA FIGURA FEMININA: as dificuldades enfrentadas pelas mulheres na condição de cuidadoras - ELISANGELA DE OLIVEIRA INACIO; ANDRÊSA MELO DA SILVA NASCIMENTO

NORMAS PARA ELABORAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS

 

Os trabalhos deverão ser enviados via formulário do Google Forms no formato word disponibilizado ao final deste edital, e deverão seguir as orientações abaixo:

​​​​​​

  • Para a submissão do trabalho, a folha de rosto deverá ser preenchida, conforme o link ao final deste edital, contendo o título do trabalho, nome(s) do(s) autor(es), com respectiva profissão, vínculo institucional e título acadêmico da autoria principal, telefone e e-mail que será utilizado para o envio do trabalho; resumo do trabalho e a vinculação a um eixo temático.

  • O arquivo do trabalho deverá ser anexado ao formulário presente no final desse edital. 

  • Os trabalhos devem ter no máximo 12 páginas, com bibliografia. Devem ser digitados com utilização de editores Word, fonte Arial, corpo 12, espaço 1,5 entre as linhas do texto, corpo 11 e espaço simples para citações longas, margens direita, esquerda, superior e inferior 2,5cm.

  • A primeira página do texto, deverá incluir de forma centralizada, o título do trabalho em versal (maiúscula) e negrito, acompanhado do subtítulo, se houver, em redondo (minúscula), sem negrito, seguido do RESUMO, de até 100 palavras em português, com a indicação de três a cinco palavras-chave, a 5 centímetros da margem esquerda, sem parágrafos. 

  •  O texto do trabalho deve começar com a INTRODUÇÃO, seguida das demais seções que constituem o DESENVOLVIMENTO do trabalho, e da CONCLUSÃO.

  • Os títulos das seções do trabalho deverão ser digitados em negrito.

  • As citações deverão ser indicadas no texto através do sistema de chamada autor-data, utilizando-se o rodapé com números, apenas para notas explicativas. A forma de apresentação das citações, do tamanho e corpo da fonte, espaçamento, indicação da fonte consultada, bem como as REFERÊNCIAS ao final do trabalho deverão obedecer às normas da ABNT em vigor.

Critérios de avaliação

  • Originalidade do trabalho apresentado.

  • Relevância social.

  • Adequação com as regras do edital.

  • Relação do trabalho com o tema do encontro e o eixo temático escolhido.

  • Como o trabalho promove ou pode promover a articulação entre produções acadêmicas e/ou movimentos sociais.

  • Contribuições do trabalho no debate crítico acerca do SUS e das políticas públicas de saúde na conjuntura atual.

 

Apresentação

  • Os trabalhos serão apresentados somente na modalidade oral, sem utilização de recursos multimídia.

  • O tempo de apresentação será de 10 minutos para cada trabalho, seguido de debate.

​Resultado dos trabalhos aprovados

  • As avaliações individuais e detalhadas de cada trabalho também serão enviadas via e-mail para a autoria principal indicada.

Certificados

 

Será emitido um certificado de apresentação do trabalho contendo o nome de todos os autores. Os autores deverão assinar a presença no ato da apresentação.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now